Plugins de efeitos gratuitos e pagos para suas produções musicais

Distorções, reverbs, equalizadores… tudo o que você precisa para dar um toque especial na hora de produzir suas músicas

Já falamos por aqui de DAWs, samplers e synths para você fazer música no seu computador. Tivemos também um vídeo explorando alguns dos meus favoritos. Ficou faltando falar sobre efeitos, que ajudam a dar aquele tempero na sua sonoridade e podem ser essenciais para a qualidade da sua mixagem.

Existem muitos tipos de efeitos. Podemos dividi-los em tipos:

  • Dinâmica: afetam a intensidade dos sons, regulando picos de volume e, em alguns casos, adicionando um timbre característico. São os compressores e limiters.
  • Espacialização: ajudam a situar um som no espaço, regulando sua profundidade na mixagem. Nesta categoria temos os reverbs e delays.
  • Saturação/distorção: bem… distorcem o som, tornando-o mais agressivo (e, muitas vezes, mais presente na mixagem). Incluímos aqui as distorções, overdrives e fuzz.
  • Equalização: os diversos tipos de equalizador (gráfico, paramétrico, etc.) permitem aumentar ou diminuir o volume de uma determinada região de frequência. De forma superficial, podemos dizer que servem para “abrir espaço” na mixagem, evitando que dois instrumentos que atuem na mesma região de frequência (como, por exemplo, o baixo e o bumbo da bateria) deixem a mixagem congestionada. Os filtros também se encaixam nessa categoria, enfatizando regiões de frequência específicas para um efeito mais drástico.
  • Modulação: são efeitos como chorusphaserflanger, que fazem algum tipo de interferência no sinal sonoro e têm função eminentemente estética.

Antes de sair baixando tudo por aí, experimente usar os efeitos que vieram junto com sua DAW. A grande maioria, senão todas, vem com pelo menos um exemplar de cada um desses efeitos, e geralmente é possível extrair resultados bem satisfatórios com eles se você souber regulá-los.

Dito isso, é comum encontrar efeitos de outras marcas, que oferecem timbres e/ou facilidades diferentes. Geralmente vale mais a pena adquiri-los em pacotes (ou bundles) do que individualmente, então vamos dar uma olhada em alguns dos mais conhecidos:

Kjaerhus Audio

Kjaerhus Audio Classic Effects
O pacote da Kjaerhus Audio

O pacote gratuito Kjaerhus Audio Classic Series é um excelente ponto de partida para quem está começando com uma DAW que venha com poucos efeitos nativos, como o Reaper ou as versões mais simples das demais. A interface é simples, lembrando racks, mas é possível extrair sons bem interessantes!

Waves

Audiotrack
Audiotrack, um dos plugins da Waves

Longe de serem baratos ($199 em promoção, $799 normalmente), os plugins da Waves são muito reconhecidos no mercado há tempos. Em sua maioria, possuem uma interface gráfica bem amigável e ajudam bastante a deixar suas mixagens melhores, desde que você entenda razoavelmente como utilizar os parâmetros. Um dos pacotes mais populares é o Waves Gold.

Soundtoys

Decapitator
Decapitator, um plugin de saturação da Soundtoys

Com nomes criativos, como Decapitator e EchoBoy, a Soundtoys tem plugins com uma sonoridade bem particular, além de belas interfaces. Eles tendem mais a simulações de equipamentos analógicos, com mais botões e menos números, provocando uma interação bem diferente daqueles plugins cheios de parâmetros que assustam à primeira vista. O pacote de efeitos Soundtoys 5 também não é nada barato ($499), mas ainda vale mais a pena do que comprar os plugins individualmente. Recomendado para quem já tem outros plugins e sente falta de sons novos.


Alguns efeitos, no entanto, são vendidos/disponibilizados sozinhos – especialmente os que fazem mudanças mais drásticas nos sons, como os simuladores de amplificador, pattern gates e outros:

IK Multimedia Amplitube

Amplitube
Uma simulação de amplificador Marshall inclusa no Amplitube

Já em sua quarta edição, o simulador de amplificadores e efeitos de guitarra/baixo Amplitube conta com uma versão “gratuita”, chamada Custom Shop. Na verdade, trata-se de uma espécie de plugin modular: você baixa gratuitamente o “essencial” do aplicativo (que vem com dois amplificadores de guitarra, um de baixo e alguns efeitos) e pode comprar outras simulações de amplificador e efeitos à parte. A verdade é que esses módulos gratuitos já são de excelente qualidade, não apenas para guitarras e baixos reais, mas até para dar um pouco mais de vida a instrumentos sampleados e sintetizadores. Experimente!

dBlue Glitch

dBlue Glitch
Dá pra tirar sonoridades bem malucas com o dBlue Glitch

O desenvolvedor dBlue, também conhecido como illformed, disponibiliza de graça a primeira versão de um dos plugins mais usados para “estragar” sons em música eletrônica: o Glitch (no site, procure por “Free VST Plug-ins”). Saindo um pouco das categorias mencionadas no início do post, o Glitch serve para fatiar, diminuir a resolução de áudio, fazer efeito de fita cassete parando, entre outras coisas – tudo isso respeitando o andamento da DAW e podendo ser aleatorizado. Bem divertido!

A1TriggerGate

Descobri esse plugin quando estava tentando encontrar algo para fazer aqueles sons eletrônicos fatiados num padrão rítmico definido. Não entendeu? É mais fácil entender do que se trata com um exemplo:

Gratuito, o A1TriggerGate fatia tudo com muita competência. Essencial para quem produz música eletrônica ou quer colocar um toque desse estilo nas composições.


E você, usa quais plugins para produzir suas músicas?

Dúvidas? Sugestões de temas? Deixe nos comentários!

Autor: Thiago Schiefer

Thiago Schiefer é um compositor de São Paulo. Focado principalmente em música e efeitos sonoros para games nos últimos anos, criou todos os sons para jogos como Drop Dead Twice e Staroids: The Odyssey. Também lançou trabalhos como cantautor: Prototype: Freedom (2013) e Living Room Sessions (2015).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s